Ministério Público Eleitoral valida candidatura de Suely Pereira e multa coligação de Roseana

O Ministério Público Eleitoral deu parecer pela aprovação da candidatura de Suely Pereira, segunda suplente de Weverton, candidato ao Senado pela Coligação Todos Pelo Maranhão. Na mesma decisão, o MPE recomendou multa sobre a coligação de Roseana Sarney, por litigação de má-fé, já que a lei da inelegibilidade não poderia ser aplicada à candidata.

O contrário do que alegou a ação movida pela coligação O Maranhão Quer Mais, da candidata Roseana Sarney (MDB), as contas da candidata foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Weverton condenou a ação do grupo de Roseana. “Além da acusação leviana de inelegibilidade, nossos adversários incluíram o meu nome e do meu primeiro suplente gratuitamente na ação, sem qualquer acusação de conduta que justificasse. Como eles não têm argumentos fundamentados, resolveram partir para a apelação”, garantiu Weverton.

De acordo com o parecer, assinado pelo Procurador Regional Eleitoral, Pedro Henrique Oliveira Castelo Branco, somente a rejeição das contas, e não a sua aprovação com ressalvas, implica a incidência de inelegibilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *