Carlos Brandão participa da abertura da safra de cana em São Raimundo das Mangabeiras

Neste domingo (19), o vice-governador Carlos Brandão e equipe de governo participaram da abertura da safra sucroalcooleira maranhense 2019/2020. Realizado em São Raimundo das Mangabeiras, o evento foi promovido pela Agro Serra Industrial, Fazenda São José, localizada no município.

Responsável pela produção de mais de 1,7 bilhões de litros de etanol, 700 mil toneladas de soja e 50 mil toneladas de arroz, o empreendimento teve na parceria com o Governo do Estado, na oportunidade de expansão dos investimentos.

“O governo tem sido muito preocupado em apoiar o empresário maranhense e sobretudo adensar a cadeia do agronegócio, nós não conseguimos vislumbrar nenhuma outra possibilidade de progresso sem essa parceria”, destacou a sócia administradora da Agro Serra, Cíntia Ticianeli.

Ela falou ainda como as dificuldades no cenário nacional têm sido superadas pelos empreendedores maranhenses.

“Nós vemos um governo muito preocupado em conhecer as particularidades dos empreendimentos, dos negócios, para tentar superar essas barreiras. Desde que o governo do Flávio Dino se iniciou nós sempre fomos muito bem recebidos em todas as secretarias”, disse.

“Empreender com esse apoio do governo é imprescindível para que a gente continue tendo essa força”, completou.

Desenvolvimento

O vice-governador Carlos Brandão destacou a importância do apoio aos empresários para o desenvolvimento do estado.

“Esses eventos só se sustentam porque têm a parceria do Governo do Estado, das prefeituras e dos empresários. Estamos aqui para ser parceiros, colaboradores desse projeto que gera milhares de empregos”, afirmou.

O secretário de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, também participou do evento de abertura da safra. Para ele, os resultados do empreendimento apontam para o acerto do apoio oferecido pelo Governo do Estado.

“É uma empresa que vem dobrando a capacidade de produção, dobrando os investimentos e a oferta de emprego aqui na região em decorrência dessa parceria com o governo do Estado”, comentou o secretário.

COMENTÁRIOS

55% do público-alvo ainda não tomou a vacina contra a gripe em São Luís

Cerca de 55% do público-alvo ainda não foi imunizado durante a campanha de vacinação contra a gripe em São Luís. A campanha vai até 31 de maio e busca imunizar ao menos 90% – equivalente a 286 mil pessoas – dos grupos prioritários contra influenza, que são:

  • Gestantes
  • Crianças de 6 meses a menores de 6 anos
  • Puérperas (até 45 dias após o parto)
  • Pessoas com 60 anos ou mais
  • Trabalhadores da saúde
  • Professores de escolas públicas e privadas
  • Povos indígenas
  • Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas
  • População privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional
  • Policiais civis e militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas
Apenas 45% do público-alvo já se vacinou contra a gripe em São Luís em 2019 — Foto: Reprodução/TV Mirante

Apenas 45% do público-alvo já se vacinou contra a gripe em São Luís em 2019 — Foto: Reprodução/TV Mirante

Em São Luís, as vacinações acontecem nos postos de saúde. Também é possível se vacinar em postos volantes em Shoppings Centers, às sextas e sábados, das 14h às 19h. O usuário deve levar a carteira vacinal e o cartão SUS.

G1 Maranhão

COMENTÁRIOS

Unimed de São Luís é condenada a pagar R$ 10 mil a paciente

A 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão condenou a Unimed de São Luís a pagar indenização de R$ 10 mil, a título de danos morais, a uma beneficiária e aos pais dela depois que a filha do casal teve atendimento negado em hospital. O motivo seria a suspensão do atendimento ao plano de saúde, sem que houvesse qualquer comunicação aos usuários.

Segundo os autos, no dia 1º de fevereiro de 2010 a beneficiária associada da empresa, na condição de dependente de seus pais, foi levada à emergência do Hospital São Domingos devido a uma crise de alergia alimentar com quadro de vômitos e náuseas.

Para surpresa dos pais, o atendimento ao plano no hospital estava suspenso. Eles argumentaram na Justiça terem realizado o atendimento particular e que tal fato causou danos morais. A sentença de primeira instância condenou o plano de saúde ao pagamento de danos materiais no valor de R$ 392,02 e indeferiu o pedido de danos morais.

Os autores (filha e pais) apelaram ao TJMA, requerendo a fixação do dano moral em R$ 10 mil, bem como a majoração dos honorários advocatícios.

O desembargador e relator Jorge Rachid observou que a suspensão da cobertura se deu sob a justificativa de que decorreu de dificuldades financeiras do plano de saúde, que não estava repassando os valores ao hospital credenciado.

Para o relator, ao negar a cobertura, a Unimed tem o dever de reparar o dano moral e concordou com a quantia pedida na ação. Com relação aos honorários advocatícios, ele majorou para 15% sobre o valor da condenação. Os desembargadores Kleber Carvalho e Nelma Sarney concordaram com o voto do relator.

COMENTÁRIOS

A agenda positiva de Othelino Neto no comando do Governo do Estado

O deputado estadual e presidente da Assembleia do Maranhão, Othelino Neto, foi o governador do Estado nos dias 16 e 17 de Maio, onde desempenhou a função fazendo o que mais gosta: trabalhando em prol do povo do Maranhão.

Na quinta-feira (16), em seu primeiro ato administrativo, o governador em exercício sancionou duas importantes leis aprovadas pela Assembleia Legislativa do Maranhão. Uma delas institui o dia 15 de maio como o Dia Estadual do Ministério Público do Maranhão e a outra altera artigos da Lei Complementar nº 14, que dispõe sobre o Código de Divisão e Organização Judiciárias.

No mesmo dia, na parte da tarde, deputados estaduais reuniram-se com Othelino Neto (PCdoB), para parabenizá-lo por assumir o comando do Estado. Acompanhados do presidente em exercício da Assembleia Legislativa, deputado Glalbert Cutrim (PDT), os parlamentares desejaram sucesso ao governador e destacaram a unidade do Parlamento e a relação harmoniosa entre os poderes.

O Prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), e o presidente da Câmara Municipal, vereador Osmar Filho (PDT), também fizeram questão de fazer uma visita de cortesia ao governador em exercício. A visita foi acompanhada ainda pelo secretário de Comunicação do Estado, Rodrigo Lago.

“São dois importantes agentes políticos do nosso estado, um que comanda a nossa capital e outro que preside a Câmara de São Luís. Tivemos uma agradável conversa sobre São Luís, a política e é muito gratificante receber esses amigos e aliados”, afirmou Othelino Neto.

Já na sexta-feira (17), Othelino Neto recebeu a visita de conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Na ocasião, eles conversaram sobre os trabalhos do TCE e sobre as principais ações do Governo do Estado. Participaram do encontro os conselheiros Jorge Pavão, Raimundo Oliveira Filho, Edmar Cutrim, os conselheiros substitutos Melquizedeque Nava Neto e Antonio Blecaute, além dos secretários de Estado Rodrigo Lago (Comunicação Social e Assuntos Políticos) e Marcelo Tavares (Casa Civil).

“É sempre razão de muita alegria receber a visita dos conselheiros do TCE, não só na condição de governador do Estado, mas, também, como servidor efetivo deste órgão. Agradeço a deferência e nos colocamos à disposição para ajudar no que for possível”, afirmou Othelino Neto.

Imperatriz

Com uma intensa agenda, Othelino Neto viajou até a cidade de Imperatriz, onde vistoriou importantes obras, como a requalificação asfáltica da Avenida Bernardo Sayão, climatização do Centro de Convenções da cidade e a revitalização do calçadão da avenida Getúlio Vargas.

“São obras que irão valorizar o comércio, o turismo e a geração de emprego e renda local “, enfatizou Othelino Neto, anunciando a inclusão de cerca de 200 ruas na operação “Tapa Buraco”, além de outras intervenções nas principais avenidas de Imperatriz para recuperar, principalmente,  as áreas mais castigadas pelas fortes chuvas.

As novas obras foram anunciadas durante visita à Câmara Municipal da cidade . “Informamos aos vereadores, que são os representantes diretos da sociedade local, a chegada da série de obras estruturantes feitas pelo Governo do Estado, ainda que não sejam da sua competência, mas faz porque entende que a população precisa”, disse  Othelino.

Encerrando a agenda de governador em exercício do Maranhão, o deputado Othelino Neto (PCdoB) recebeu, ainda na sexta-feira (17), a visita de cortesia da senadora Eliziane Gama (Cidadania), dos deputados federais Bira do Pindaré (PSB) e Márcio Jerry (PCdoB) e do deputado estadual Neto Evangelista (DEM). O secretário de Estado de Comunicação Social e Assuntos Políticos, Rodrigo Lago, também acompanhou a visita.

Othelino Neto ressaltou que esses encontros simbolizam a harmonia, a confiança e a relação respeitosa que há entre os diversos agentes políticos do Maranhão. “Receber o presidente do meu partido, o deputado federal Márcio Jerry, bem como o deputado Bira do Pindaré, a senadora Eliziane Gama e o deputado Neto Evangelista me deixa muito feliz, pois são agentes políticos importantes. Um momento muito enriquecedor para a minha carreira política”, afirmou.

COMENTÁRIOS

Bolsonaro compartilha texto segundo o qual país é ingovernável sem conchavo

O presidente Jair Bolsonaro enviou, nesta sexta-feira, para amigos, pelo WhatsApp, um texto de autoria desconhecida segundo o qual “o Brasil é ingovernável fora dos conchavos”. Ainda de acordo com o texto, o governo Bolsonaro deixou isso claro, por se tratar de “um governo atípico, ‘sem jeito’ com o Congresso e de comunicação amadora”.

A informação de que o presidente distribuiu o texto para seus contatos no celular foi dada pela jornalista Tânia Monteiro, do jornal O Estado de S. Paulo. O veículo entrou em contato com o Planalto para indagar do porquê do compartilhamento. A resposta do presidente foi dada por meio de nota, enviada por seu porta-voz ao jornal.

“Venho colocando todo meu esforço para governar o Brasil. Infelizmente os desafios são inúmeros e a mudança na forma de governar não agrada àqueles grupos que no passado se beneficiavam das relações pouco republicanas. Quero contar com a sociedade para juntos revertermos essa situação e colocarmos o País de volta ao trilho do futuro promissor. Que Deus nos ajude!”, afirmou o presidente.

Para pessoas próximas ao presidente, no entanto, o envio do texto parece significar que Bolsonaro se sente cada vez mais acuado, sem condições de implementar a “nova política” de que tanto falou nem fazer avançar os projetos de sua gestão.

Leia a íntegra do texto compartilhado por Bolsonaro:

“Temos muito para agradecer a Bolsonaro.

Bastaram 5 meses de um governo atípico, “sem jeito” com o congresso e de comunicação amadora para nos mostrar que o Brasil nunca foi, e talvez nunca será, governado de acordo com o interesse dos eleitores. Sejam eles de esquerda ou de direita.

Desde a tal compra de votos para a reeleição, os conchavos para a privatização, o mensalão, o petrolão e o tal “presidencialismo de coalizão”, o Brasil é governado exclusivamente para atender aos interesses de corporações com acesso privilegiado ao orçamento público.

Não só políticos, mas servidores-sindicalistas, sindicalistas de toga e grupos empresariais bem posicionados nas teias de poder. Os verdadeiros donos do orçamento. As lagostas do STF e os espumantes com quatro prêmios internacionais são só a face gourmet do nosso absolutismo orçamentário.

Todos nós sabíamos disso, mas queríamos acreditar que era só um efeito de determinado governo corrupto ou cooptado. Na próxima eleição, tudo poderia mudar. Infelizmente não era isso, não era pontual. Bolsonaro provou que o Brasil, fora desses conchavos, é ingovernável.

Descobrimos que não existe nenhum compromisso de campanha que pode ser cumprido sem que as corporações deem suas bênçãos. Sempre a contragosto.

Nem uma simples redução do número de ministérios pode ser feita. Corremos o risco de uma MP caducar e o Brasil ser OBRIGADO a ter 29 ministérios e voltar para a estrutura do Temer.

Isso é do interesse de quem? Qual é o propósito de o congresso ter que aprovar a estrutura do executivo, que é exclusivamente do interesse operacional deste último, além de ser promessa de campanha?

Querem, na verdade, é manter nichos de controle sobre o orçamento para indicar os ministros que vão permitir sangrar estes recursos para objetivos não republicanos. Historinha com mais de 500 anos por aqui.

Que poder, de fato, tem o presidente do Brasil? Até o momento, como todas as suas ações foram ou serão questionadas no congresso e na justiça, apostaria que o presidente não serve para NADA, exceto para organizar o governo no interesse das corporações. Fora isso, não governa.

Se não negocia com o congresso, é amador e não sabe fazer política. Se negocia, sucumbiu à velha política. O que resta, se 100% dos caminhos estão errados na visão dos “ana(lfabe)listas políticos”?

A continuar tudo como está, as corporações vão comandar o governo Bolsonaro na marra e aprovar o mínimo para que o Brasil não quebre, apenas para continuarem mantendo seus privilégios.

O moribundo-Brasil será mantido vivo por aparelhos para que os privilegiados continuem mamando. É fato inegável. Está assim há 519 anos, morto, mas procriando. Foi assim, provavelmente continuará assim.

Antes de Bolsonaro vivíamos em um cativeiro, sequestrados pelas corporações, mas tínhamos a falsa impressão de que nossos representantes eleitos tinham efetivo poder de apresentar suas agendas.

Era falso, FHC foi reeleito prometendo segurar o dólar e soltou-o 2 meses depois, Lula foi eleito criticando a política de FHC e nomeou um presidente do Bank Boston, fez reforma da previdência e aumentou os juros, Dilma foi eleita criticando o neoliberalismo e indicou Joaquim Levy. Tudo para manter o cadáver procriando por múltiplos de 4 anos.

Agora, como a agenda de Bolsonaro não é do interesse de praticamente NENHUMA corporação (pelo jeito nem dos militares), o sequestro fica mais evidente e o cárcere começa a se mostrar sufocante.

Na hipótese mais provável, o governo será desidratado até morrer de inanição, com vitória para as corporações. Que sempre venceram. Daremos adeus Moro, Mansueto e Guedes. Estão atrapalhando as corporações, não terão lugar por muito tempo.

Na pior hipótese ficamos ingovernáveis e os agentes econômicos, internos e externos, desistem do Brasil. Teremos um orçamento destruído, aumentando o desemprego, a inflação e com calotes generalizados. Perfeitamente plausível. Claramente possível.

A hipótese nuclear é uma ruptura institucional irreversível, com desfecho imprevisível. É o Brasil sendo zerado, sem direito para ninguém e sem dinheiro para nada. Não se sabe como será reconstruído. Não é impossível, basta olhar para a Argentina e para a Venezuela. A economia destes países não é funcional. Podemos chegar lá, está longe de ser impossível.

Agradeçamos a Bolsonaro, pois em menos de 5 meses provou de forma inequívoca que o Brasil só é governável se atender o interesse das corporações. Nunca será governável para atender ao interesse dos eleitores. Quaisquer eleitores. Tenho certeza que esquerdistas não votaram em Dilma para Joaquim Levy ser indicado ministro. Foi o que aconteceu, pois precisavam manter o cadáver Brasil procriando. Sem controle do orçamento, as corporações morrem.

O Brasil está disfuncional. Como nunca antes. Bolsonaro não é culpado pela disfuncionalidade, pois não destruiu nada, aliás, até agora não fez nada de fato, não aprovou nada, só tentou e fracassou. Ele é só um óculos com grau certo, para vermos que o rei sempre esteve nu, e é horroroso.

Infelizmente o diagnóstico racional é claro: “Sell”.

Autor desconhecido”

Correio Braziliense

COMENTÁRIOS

Em Imperatriz, governador em exercício vistoria e anuncia obras

Em seu segundo dia de trabalho como governador em exercício do Maranhão, o deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) iniciou a agenda, nesta sexta-feira (17), em Imperatriz, vistoriando importantes obras, como a requalificação asfáltica da Avenida Bernardo Sayão, climatização do Centro de Convenções da cidade e a revitalização do calçadão da avenida Getúlio Vargas.

“São obras que irão valorizar o comércio, o turismo e a geração de emprego e renda local “, enfatizou Othelino Neto, anunciando a inclusão de cerca de 200 ruas na operação “Tapa Buraco”, além de outras intervenções nas principais avenidas de Imperatriz para recuperar, principalmente, as áreas mais castigadas pelas fortes chuvas.

As novas obras foram anunciadas durante visita à Câmara Municipal da cidade . “Informamos aos vereadores, que são os representantes diretos da sociedade local, a chegada da série de obras estruturantes feitas pelo Governo do Estado, ainda que não sejam da sua competência, mas faz porque entende que a população precisa”, disse Othelino.

Os deputados Professor Marco Aurélio (PC do B), Rildo Amaral (Solidariedade), Antonio Pereira (DEM), Pastor Cavalcante (PRS), Ricardo Rios (PDT) e Fernando Pessoa (Solidariedade) estavam na comitiva do governador em exercício, deputado Othelino Neto. Os parlamentares elogiariam sua conduta na interinidade do governo e ressaltaram a importância da visita para Imperatriz.

“Othelino chega e testemunha grandes investimentos feitos pelo governo na cidade. Isso é muito significativo para nossa população, assim como para nós, deputados estaduais, que o temos como presidente em nossa Casa Legislativa e, ao mesmo tempo, atuamos na segunda maior cidade do Maranhão”, destacou Professor Marco Aurélio.

“Imperatriz ganha muito com a visita do governador Othelino, pessoa do nosso respeito e admiração, que tem prestado um grande trabalho na Assembleia, sobretudo a paz e a harmonia naquela Casa de Leis e, agora, no Governo do Estado. E mesmo nesse curto período já deixa sua marca”, afirmou Pastor Cavalcante.

“A cidade de Imperatriz se engrandece com a visita de Othelino Neto como governador, em exercício, do nosso estado. O caos está instalado em nossa cidade por conta das chuvas e sua vinda, com o anúncio de tantos pleitos, enche nosso povo de alegria”, enfatizou Rildo Amaral.

O secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto, que também acompanhou as vistorias, falou da satisfação de fazer o anúncio de investimentos ao lado do governador em exercício, Othelino Neto. “Ele fez questão de incluir nossa querida Imperatriz em sua agenda. Nós verificamos pessoalmente as obras, que são de responsabilidade da administração municipal, mas que estão em andamento pela urgência. São muitos investimentos, apesar da crise econômica nacional. Nós conseguimos porque há planejamento e aplicação correta dos recursos”, acentuou.

COMENTÁRIOS

Prévias do São João vão agitar o Centro Histórico de São Luís

Além da programação oficial, que vai de 19 a 30 de junho, o São João de Todos em São Luís também vai ter dois dias de prévias, para aquecer os festejos. A festa será nos dias 14 e 15 de junho (sexta e sábado), na Praça Nauro Machado, no Centro Histórico.

A programação ainda não está definida, mas a animação está garantida, como vem acontecendo nos últimos anos.

Os arraiais oficiais serão no Ipem (Centro Social dos Servidores do Estado – Calhau), da Praça Maria Aragão (Beira-Mar) e da Praça Nauro Machado (Centro Histórico de São Luís).

Serão mais de 400 grupos ou artistas selecionados, com ampla valorização da cultura maranhense.

Neste ano, são oito categorias se apresentando: Artes Cênicas, Banda/show, Bumba Meu Boi, Cordel e Repente, Danças Regionais, Forró Pé de Serra, Grupo Alternativo e Tambor de Crioula.

Ensaios

Os ensaios nos barracões já estão a pleno vapor e se concentram nos fins de semana, geralmente abertos ao público.

Na capital, também haverá ainda extensa programação dos arraiais nos bairros, que têm o apoio do Governo do Estado.

Além de São Luís, Imperatriz também terá programação oficial no São João, entre 12 e 15 de junho, na Beira Rio.

COMENTÁRIOS

Carlos Brandão e Othelino Neto assumem interinamente o Governo do Maranhão

O governador Flávio Dino se ausentará do País de 15 a 19 de maio, em razão de sua agenda na London School of Economics and Political Science, participando como palestrante do Brazil Fórum UK 2019. Com isso, assume o governo, interinamente, o vice-governador Carlos Brandão, como determina o art. 59 da Constituição estadual.

Contudo, o vice-governador Carlos Brandão comunicou nesta terça-feira (14) ao presidente da Assembleia, Othelino Neto, que se licenciará do cargo de vice-governador nos dias 16 e 17 de maio, a fim de tratar de interesses particulares, sem remuneração.

Nesse período, quem assumirá o governo estadual será o presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto.

No fim de semana (dias 18 e 19 de maio), Carlos Brandão reassume interinamente o Governo até o retorno do governador Flávio Dino, conforme previsto no art. 59 da Constituição do Estado.

COMENTÁRIOS

Professor Sá Marques vai homenagear Boi de Axixá na Câmara Municipal de São Luís

O Vereador Sá Marques, sempre demonstrando seu total apreço pela cultura maranhense, vai homenagear o Bumba Meu Boi de Axixá, sotaque de orquestra,  na Câmara de São Luís, no próximo dia 20 de Maio. Neste ano, o grupo completa 60 anos de história, e sob o comando de Leila Naiva, a brincadeira é formada por 120 brincantes, entre índias, vaqueiros campeadores, vaqueiros de fita e orquestra.

Ao justificar a homenagem, o parlamentar ressaltou e parabenizou o grupo pelos 60 anos de história e brilhantismo. “O Boi de Axixá merece todas as homenagens. São 60 anos de brilhantismo. São 60 anos levando o nome do estado para o Brasil afora. Nada mais justo em fazer essa homenagem a esse batalhão mais antigo em atividade”, destacou.

HISTÓRIA DO BOI DE AXIXÁ

O Boi de Axixá foi fundado em 1º de janeiro de 1959, por Francisco Naiva, não por pagamento de promessa, mas por amor à brincadeira, à cultura popular. Era composto pelos personagens soldados, caboclos de flecha, índios e campeadores. As mulheres eram proibidas de brincar. Depois da saída dos índios e soldados, elas foram inseridas, também como índias, sendo assim até a atualidade.

Por ser um dos percussores do Bumba-meu-boi de Orquestra no Maranhão, o Boi de Axixá segue tradicionalmente o ciclo da manifestação, ensaios, batismo, apresentação e morte, envolvendo comunidades do município de Axixá e de São Luís/MA.

COMENTÁRIOS

Reconhecimento: Marco Aurélio recebe homenagem da Defensoria Pública Estadual do Maranhão

Em alusão ao Dia Nacional da Defensoria Pública e aos 18 anos da Instituição no Estado do Maranhão, o deputado Professor Marco Aurélio (PCdoB) recebeu uma homenagem, Moção de Aplausos e Reconhecimento, durante solenidade que aconteceu na manhã desta segunda-feira (13), em Imperatriz, pelo reconhecimento dos serviços prestados para o fortalecimento do órgão na região.

O coordenador do Núcleo Regional de Imperatriz, defensor público André Jacomin, atribuiu essa homenagem ao deputado pela “aproximação que ele tem nos propiciado para com a comunidade em geral, o estreitamento de laços com a população, pois quanto mais próximos do povo, mais o nosso objetivo é alcançado, que é de assistir as pessoas menos favorecidas”, enfatiza o defensor público.

Homenageado, o deputado Marco Aurélio agradeceu e destacou a importância do trabalho da Defensoria Pública “são pessoas para servir, dando voz a quem muitas vezes se sente oprimido na busca de um direito, como nas ocupações, na saúde, nos bairros. E, fazer mais pela defensoria Pública do Maranhão, é fazer mais pela população, dando condições de ajudarem mais pessoas, principalmente as comunidades mais carentes”, concluiu o deputado.

Receberam também a homenagem o vereador Carlos Hermes, o superintende de Articulação política do Estado, Adonilson Lima e o presidente do time do Imperatriz, Adauto Carvalho, sendo representado pela diretora social do clube, Mariana Carvalho. Estiveram presentes ainda na cerimônia os defensores Isabela Dechiche, Moema Zocrato e Fábio Carvalho, o subdefensor Gabriel Furtado, o juiz Adolfo Pires e a promotora Nahyma Abas, além de grande representação comunitária.

COMENTÁRIOS