Homens são as principais vítimas da violência no Brasil

 

De cada dez pessoas que morreram no Brasil em 2013, pelo menos uma foi vítima de um ato de violência, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) que acabam de ser divulgados.

Em mais de 80% dos casos, a vítima foi um homem. Ao todo, mais de 98 mil brasileiros do sexo masculino morreram por causas violentas no ano passado contra 19,2 mil mulheres. O estado de São Paulo lidera em números absolutos de mortes violentas. No ano passado, 23,7 mil pessoas faleceram por causas não naturais no estado.


O estado do Amapá registrou 390 mortes do tipo em 2013, mas detém a maior proporção de vítimas da violência. De cada 100 óbitos no estado, 16 foram devido à violência.

No Rio Grande do Norte, 79,3% dos jovens vítimas da violência com idade entre 15 e 24 anos eram homens. Na Bahia e no Sergipe, a proporção era de 78,9% e 78,1%. No Rio Grande do Sul, 55,6% dos jovens mortos nesta faixa etária eram mulheres.

Segundo o estudo, quase metade dos jovens que morreram no ano passado vieram a falecer em via pública. Neste caso, os homens também eram maioria.

COMENTÁRIOS

Como assim, senhor juiz Marcelo Baldochi?

Seria cômico se não fosse trágico. O polêmico juiz Marcelo Testa Baldochi protagonizou um episódio um tanto inusitado neste fim de semana, quando chegou ao aeroporto de Imperatriz 32 minutos atrasado e não conseguiu embarcar junto com os demais passageiros que chegaram no horário. O juiz, não contente, mandou prender os atendentes da companhia aérea a qual o magistrado iria viajar. Resumo da história: A Polícia levou os atendentes “presos”, mas na hora de prestar queixa, o juiz não apareceu. Um fato curioso com relação a esse caso é que lá no ano de  2012, o mesmo juiz Marcelo Baldochi julgou um caso semelhante ao que vivenciou neste fim de semana,e pasmem, senhores, sua decisão foi improcedente. Isso mesmo! O juiz afirmou que o passageiro tem a obrigação de chegar com uma hora de antecedência do embarque. Ou seja, tudo o que ele não fez e ainda queria ter razão. Veja abaixo o trecho final da decisão do magistrado no caso quase igual ao seu:

Processo nº 9000393-88.2012.8.10.0131

Ação: PROCEDIMENTO DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL

Autor: CAIO LOPES CARVALHO

Réu: GOL TRANSPORTES AÉREOS S/A

Pelo que consta de suas narrações (fls. 02) percebe-se que o autor chegou ao aeroporto para realizar o check in meia hora antes do embarque, nota-se que as companhias recomendam a chegada com antecedência mínima de 1 (uma) hora para realização do check in e trinta minutos de antecedência para o comparecimento no portão de embarque. Era ônus, pois, do autor, comparecer ao portão de embarque com trinta minutos de antecedência e não chegar ao aeroporto, pois, da chegada ao portão de embarque presume-se já feito o check in. Razões pelas quais tomo por sua exclusiva culpa a responsabilidade pelo fato causado (Art. 14, § 3º, II, CDC), o que, de pronto, ilide a responsabilidade do fornecedor de serviços. Sendo assim, JULGO IMPROCEDENTES OS PEDIDOS do autor (Art. 269, I, CPC). P.R.I.C. Sem custas e honorários. Após o trânsito em julgado, arquive-se com baixa na distribuição. Senador La Rocque, 30/11/2012. MARCELO TESTA BALDOCHI.

Juiz de Direito.

Do Site “Só falo a Verdade” com edição

COMENTÁRIOS

15 Policiais mortos até agora no Maranhão

É com imensa tristeza que o blog divulga agora a estatística geral de mortes envolvendo policiais no Maranhão de Janeiro até hoje (08 de dezembro de 2014), data a qual a titular do blog vos escreve. É inadmissível um policial, pai de família, cidadão de bem, sair de sua casa para trabalhar, defender e proteger a sociedade, e não voltar mais para casa. Desde o dia 03 de Janeiro, logo no comecinho do ano, começamos a perder nossos homens protetores, com a morte do sargento reformado da PM, Antônio César Serejo, que foi assassinado cruelmente por bandidos no Maracanã. Cinco dias depois, dia 08 de Janeiro, veio a morte do soldado Alexandre Sales Cunha, que era lotado na cidade de Caxias. Três meses depois, em Abril, foram mortos o soldado Idelfonso Alves Nogueira e o cabo Josimar Moraes Lobo. 

Cargo/função Nome Instituição Cidade Data

1 Aspirante OF Rocha PMMA Codó 07/12
2 Sargento Sá PMMA S. Luis 07/12
3 Sd Chapuí PMMA P.Lumiar 22/11
4 Sd David PMMA P.Lumiar 22/11
5 Cb Batista PMMA Balsas 19/11
6 Soldado Dos Santos PMMA S.Luís 01/11
7 Soldado Fredson PMMA S.J.Rib. 16/10
8 Soldado Clenildo PMMA S.Luís 14/09
9 Sub-tenente Garcês PMMA P.Lumiar 26/08
10 Sargento Lima Filho PMMA S.Luís 06/07
11 Sargento Francinaldo PMMA S.Luís 02/04
12 Cb Lobo PMMA S.Luís 05/04

COMENTÁRIOS

É hoje!

 

O Tribuna da Capital reestréia hoje, dia 08 de dezembro, ás 13h. Não perca!

COMENTÁRIOS

Até quando?

Só neste domingo (07), véspera de feriado, mais dois policiais se foram. O aspirante Sebastião Luís Rocha Neto (foto ao lado), de 26 anos, estava no ponto de ônibus próximo ao Mercado do Peixe, quando foi surpreendido por um assaltante, e na troca de tiros, infelizmente foi atingido, vindo a óbito.

Já pela noite, o Sargento Carlos Magno Sá (foto abaixo), de 43 anos, também foi vítima de bandidos no bairro da Forquilha. Houve confronto, e também na troca de tiros, o sargento foi baleado no tórax, levado ao Socorrão, mas não resistiu aos ferimentos, falecendo em seguida. Até quando veremos policiais, cidadãos de bem, pais de família, que vivem para proteger a sociedade, morrendo todos os dias, e ninguém faz nada? Até quando essa insegurança vai predominar no nosso Estado, na nossa cidade, na nossa rua, dentro da nossa própria casa? Quando finalmente vão dar uma punição eficaz para esses marginais? A sociedade EXIGE urgência nessas respostas!

COMENTÁRIOS

Comércio de São Luís funciona normalmente no feriado de Nossa Senhora

Apesar de ser feriado municipal (Nossa Senhora da Conceição) nesta segunda-feira (8), o comércio de São Luís vai funcionar normalmente, segundo informou a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) da cidade. A decisão faz parte do acordo coletivo firmado entre os sindicatos patronal e dos funcionários do comércio, na convenção coletiva de trabalho da categoria.

No entanto, os donos de lojas que decidirem trabalhar na data terão que pagar hora extra de 100% sobre a hora normal, mais a gratificação de R$ 30 aos comerciários que trabalharem no dia.

Período natalino

A partir deste fim de semana até o Natal, as lojas do comércio de São Luís também abrirão aos domingos, das 8h às 14h, como forma de atender melhor os clientes. A mudança não acontece apenas no centro comercial, aqui no shopping o horário de funcionamento também vai ser diferente aos domingos e feriados, as lojas ficarão abertas das 10h às 22h todos os dias da semana.

O horário especial foi definido a partir de negociações feitas entre empregadores e empregados do comércio e, na avaliação da CDL São Luís, será decisivo para atingir a expectativa de aumento nas vendas.

“Esse funcionamento especial vai possibilitar aos clientes do comércio que trabalham em tempo integral durante a semana ter um horário extra para fazer suas compras. Temos uma expectativa de 3% de aumento nas vendas neste período e o consumidor precisa ter opções de horário para fazer suas compras”, afirma a presidente da CDL, Socorro Noronha.

 

Do G1 Maranhão

COMENTÁRIOS

Grupo criado em rede social lança candidatura de Ricardo Murad ao Governo em 2018

Um grupo na rede social Facebook foi criado para “apoiar” o nome do ainda secretário estadual de Saúde, Ricardo Murad, ao Governo do Estado em 2018. O grupo já conta com 823 “eleitores fiéis” ao seu projeto solitário e antecipado ao Governo. Na descrição do grupo, “Ricardo Murad é o futuro governador do Maranhão, o maior líder político do Maranhão(?)”. Caros leitores, tirem suas próprias conclusões!

COMENTÁRIOS

Vereadores fantasmas: Câmara Municipal de Anajatuba não tem votação há mais de um mês por falta de quórum

Quem acompanha o mundo da política já sabe que na cidade de Anajatuba acontece de tudo. O blog da Cristiana França foi pessoalmente acompanhar o que seria uma sessão da Câmara Municipal de Anajatuba, nesta sexta-feira, mas que acabou não acontecendo por falta de quórum. Dos 11 vereadores “existentes”, apenas três compareceram, foram eles: Cristina, Fernando e o presidente da Casa, Neco. Há um mês, nada é votado no município, exatamente por falta de quórum, e justamente são os aliados do prefeito Helder Aragão,os mais faltosos. Os vereadores de Anajatuba trabalham somente quatro vezes por mês, visto que as sessões acontecem (ou deveriam acontecer), de acordo com o regimento interno, todas as sextas-feiras, a partir das 17:30h. É isso mesmo. “Os representantes do povo” só trabalham quatro vezes no mês, e mesmo assim, a maioria nem pisa na Câmara. Desde que foi denunciado nacionalmente pelo Fantástico por desvios de verbas públicas federais, o município de Anajatuba vive um clima de medo e insegurança. Ninguém se manifesta, o prefeito sumiu, assim como os seus vereadores aliados. A população da cidade está pedindo socorro, visto que falta tudo na cidade: remédios nos hospitais, merenda escolar, médicos, e infraestrutura de qualidade. Vale ressaltar também que o Orçamento 2015 já está pronto para ser votado, mas sem quórum, não há votação, e no dia 15 de dezembro, a Câmara entrará de recesso, ou seja, os vereadores só tem até a próxima sexta-feira, dia 12, para “trabalharem”. A pergunta que não quer calar, é: Haverá sessão na sexta-feira que vem? Ou a maioria vai fugir novamente? É esperar para ver!

Sem quórum, o presidente da Casa encerrou a sessão as 17:50h desta sexta-feira

Fachada da Câmara Municipal de Anajatuba

 

*Texto alterado as 14:35hs

COMENTÁRIOS

Caminhada pela PAZ!

COMENTÁRIOS

Arnaldo Melo não terá direito a pensão vitalícia do Estado

O ainda deputado estadual Arnaldo Melo vai assumir o comando do Estado na próxima terça-feira (09) de dezembro. Arnaldo vai passar 22 dias dirigindo o Maranhão, mas seu presente de natal não será completo: Ele não terá direito a pensão vitalícia do Estado. O blog da Cristiana França andou conversando com especialistas da área, que confirmaram a informação. Acontece que o ADCT (Atos das Disposições Constitucionais Transitórias) da Constituição Estadual, prevê que o governante não receberá a pensão vitalícia por não assumir definitivamente o Estado, mas de forma interina. Portanto, nada de dinheiro para Arnaldo. Menos mal!

COMENTÁRIOS