Sá Marques quer mudança no horário de funcionamento do Serviço de Verificação de Óbitos

 O vereador Sá Marques, durante pronunciamento na Câmara Municipal na manhã desta segunda-feira (21), falou sobre o Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), onde criticou o horário de funcionamento para atendimento ao público.

De acordo com a denúncia do parlamentar, o SVO, que é um prédio anexo ao IML, só funciona até às 18 horas.

O SVO tem por finalidade periciar corpos de pessoas que aparentemente, em casa ou na rua, perderam a vida por morte natural, ou seja, o SVO é o órgão que comprova se realmente foi morte natural. O absurdo é que se porventura, alguma pessoa tem morte natural, às 18 horas ou depois deste horário, o cadáver só será analisado no outro dia, porque simplesmente não há serviço de plantão. É preciso se denunciar esta situação e mudar esta realidade”, relatou Sá Marques.

O parlamentar ressaltou ainda, que o IML funciona 24 horas, devendo assim também proceder para este outro serviço, o de verificação de óbitos.

Não bastasse o trauma de uma pessoa perder um familiar, um amigo, uma pessoa querida, ainda tem que aguardar este transtorno psíquico para o cadáver ser examinado. É de uma insensibilidade muito grande, de uma falta de respeito com a família. Lembro que este exame dura em média duas horas e meia. Isso tem gerado um desconforto muito grande a população de São Luís, e até de corpos para serem periciados, vindos de municípios do interior do estado“, alertou o vereador.

Ao finalizar seu pronunciamento, Sá Marques garantiu que vai cobrar soluções por parte do Governo do Estado para resolver o problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *